Notícias

Compartilhe
delicious twitter blog tumblr facebook orkut
Indique a um amigo
01/12/2011 Estilos de Cerveja – Parte I

Dias quentes, frios, final do dia... Cada momento pede um estilo de cerveja. Preparamos uma descrição dos principais estilos de cerveja para você poder escolher a que mais combina com você.

Durante este mês, vocês poderão conferir curiosidades sobre as cervejas feitas com trigo, ales do Reino Unido e dos EUA, ales alemãs e lagers.



Cervejas feitas com trigo

As cervejas feitas de trigo são apropriadas para o verão por serem muito refrescantes. Frequentemente são chamadas de “brancas” por causa da sua turvação. É uma cerveja turva, pois sua casca pode entupir os recipientes de preparo e o trigo não age como seu próprio filtro, como faz a cevada. Porém, com as técnicas atuais, é fácil torná-la límpida, mas muitos preferem a aparência “natural”.

Weiss ou Weizen?
Cervejas de trigo na Alemanha podem ser chamadas de weissbier ou weizenbier. Weiss, que significa “branco” em alemão, pode parecer mais apropriado para uma cerveja não filtrada, turva. Enquanto Weizenbier, que significa cerveja filtrada, ficaria para o tipo límpido.

As versões filtradas também podem ser chamadas de kristallweizen, quando apresentam brilho e limpidez como de um cristal.

Hefeweizen, Heferub e Mit Hefe
Estes termos são usado para indicar uma cerveja de trigo sedimentada: Mit hefe significa “com levedura”. Trub tem o significado de transtorno, turbulência, o que se refere à turvação criada pelo sedimento.

Dunkelweizen
Os maltes escuros têm gosto de caramelo envolvendo os sabores refrescantes de maçã criados pelas leveduras, às vezes há caramelo de banana também, sendo uma boa pedida para um fim de tarde mais fresco ou para acompanhar comida chinesa.

Weizenbock
Aos sabores caramelados de maçã e banana sugeridos na dunkelweizen, acrescenta-se maior intensidade de sabor e a influência aquecedora do álcool nas versões bock. Um exemplar é a Aventinus da Schneider.

Steinweizen
A palavra Stein refere-se a um método de fazer cerveja muito antigo que usava recipientes de madeira, aquecia pedras e jogavam-nas dentro do tanque. As pedras quentes, além de provocarem a ebulição do mosto, adquirem uma pátina caramelizada de malte de cevada. Mais tarde elas são colocadas nos tanques de maturação, onde o açúcar estimula uma fermentação posterior. O resultado final é um sabor defumado de caramelo, semelhante a melado, em uma bebida que consegue ser leve, limpa de paladar e ainda uma refrescante cerveja de trigo.


Fonte: Guia ilustrado Zahar: Cerveja. Rio de Janeiro, 2009.

(0) Comentários
Não existem comentários
Faça seu comentário
<< voltar para notícias

newsletter

Receba nossas notícias por E-mail!
Assinar
Cancelar Assinatura

Últimos vídeos

Restaurante Figueira
Ver mais!
Trip AdvisorFacebook
Rua Mariana Bronemann, 527 - Velha - Blumenau - SC - fone: (47) 3035-3710
Horário de funcionamento: de terça a sexta - a partir das 18:30, sábado a partir das 19h00 e domingos - das 11:30 às 14:45